Beijos Indolentes

Rei Salles é compositor desde 1990 e tem formação em canto com Vivi Keller.
Apresentou-se em bares e espaços culturais da cidade, como o CCSP, Teatro Crowne Plaza, Teatro Hall, Vila dos Ingleses, Biblioteca Mário de Andrade, Villaggio Café e KVA, em carreira solo ou acompanhando os cantores/parceiros Márcio Bast, Mônica Caniato
e Silvana Fabi. Abriu show de Edvaldo Santana em evento da Secretaria Municipal de Cultura, com curadoria de Tom Zé. Sua canção Bossa Mãe (parceria com Márcio Bast),
ganhou em 2006 o 3º lugar no Festival Música nas Empresas, do SESC Consolação, e foi classificada para a final do Festival de Música de Ilha Comprida deste mesmo ano.
Rei tem dois CDs lançados, Coisa de um paulista (2006) e Presente (2010). Passou a compor e cantar influenciado por nomes como Itamar Assumpção, RUMO, Suzana Salles e José Miguel Wisnik, além da MPB de Caetano Veloso, Secos & Molhados, Rita Lee e Os Mutantes. O contato com Tato Fischer se deu no programa Um Canto de Luz, pela TV PAX, e Rei encontrou no universo musical do artista grande identificação, bem como a possibilidade de desenvolver um trabalho de aprimoramento da interpretação das próprias canções. Desse encontro nasceu Beijos Indolentes, seu 3º álbum. Rei frequenta os saraus de compositores que acontecem na cidade, especialmente o
Quarta Quarta, do Tato Fischer, e o Toca do Autor, do músico e produtor Alexandre Tarica. Beijos Indolentes é um repertório que, parafraseando Rita Lee, nada contra a corrente só pra exercitar... Fala de intimidades, de erros, medos e perdão, sempre com irreverência e leveza. Um trabalho musical, num mundo altamente técnico e
profissionalizado, que contempla o erro, o acaso, o artesanal e humano. Além de canções do CD, Rei interpreta Moska, Secos & Molhados, Marcos e Paulo Sérgio Valles,
além de um poema de La Fontaine e a divertida “Setentão”, versão que fez para When I’m 64, dos Beatles.


Ficha Técnica:

Concepção e direção: Rei Salles
Arranjos: Rei Salles, Tato Fischer e Felipe Pimentel
Rei Salles: voz e violão
Felipe Pimentel: Guitarra
Tato Fischer: Piano e voz
Alexandre Tarica: Som / Produção Executiva / Divulgação

Elmano “Maninho” Nunes: Light Designer
Mônica Caniato: Cenário

 

Galeria de Fotos

1/3

Rua Rui Barbosa, 201 - Bela Vista - São Paulo - SP | Telefone: (11)2309-4102